O Deserto em mim!


DESERTO DE SILÊNCIOS


Estou seca árida como um deserto…

Meu oásis foi coberto por uma tempestade

de areia que assolou minha tenda e arrasou meu coração

O sol agora inclemente arde… queima… devora..

Minha cabeça dói…

Minha alma não se consola

Foram-se as palavras…

Restou-me o vazio

Sumiram também os peregrinos e as caravanas de camelos

que por aqui passavam todas as manhãs…

Vejo tua imagem

Miragem a me assombrar

No deserto de silêncios

Que reina sobre mim

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: